sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Amo Novembro.

Olho para longe e tudo parece uma aguarela. A montanha com cores de outono diluídas, o azul do céu misturado com neblina, o dourado do sol meio esvaído.

As sombras das árvores na parede do edifício à luz da manhã, as nuvens como mantas de algodão macio, o som do meu coração e o café a saber a outras paisagens.

Olho de perto e as folhas têm um vermelho tão vibrante que lembro a lareira e o bom vinho que nos espera.

Vejo a tua face, tão nítida.

Amo a Vida.



(Foto pledent.deviantart.com)